quinta-feira, 15 de maio de 2014

Mantendo a tradição

Iniciar um novo sketchbook é sempre um prazer. Por isso, sempre começo com algum trabalho que realmente gosto de fazer. Não que eu costume fazer o que não gosto em meus trabalhos, mas desenhar uma caveira é algo que tem um valor sentimental para mim.

Assim, mais uma vez, decidi manter a "tradição" e comecei esse Moleskine com um crânio em aquarela.

Iniciei com um desenho suave com lápis 2H apenas para marcar o papel.


Depois, pintei o crânio em um tom mais amarelado, destacando as áreas de luz e sombra.


Por fim, pintei um fundo vermelho, também para manter a tradição, de maneira mais aleatória, sem muita definição ou preocupação com o resultado final.

"Sem título", aquarela sobre Moleskine, 2014.

Em breve postarei mais pinturas/desenhos desse Moleskine que é mais específico para trabalhos com aquarela.