quarta-feira, 2 de março de 2011

Para não parar de desehar

Para não ficar sem desenhar onde quer que eu esteja, acabei fazendo esse caderninho companheiro no padrão A8, ou seja, mais ou menos 6x8 cm.


A proposta era fazer não apenas um caderno de desenho, mas algo que pudesse me acompanhar em qualquer lugar, para aproveitar cada momento. Nem sempre quando a vontade de desenhar aparece é possível realizá-la por conta da situação ou do lugar em que nos encontramos. Mas quando uma boa ideia surge, não se pode deixar de anotá-la para que ela não se perca.


Como o caderno é pequeno, geralmente o levo no bolso juntamente com uma lapiseira apenas. A borracha é desnecessária, já que, geralmente, neste tipo de desenho o tempo é curto e os detalhes não são tão importantes. O sketch acima, por exemplo, foi feito dentro de um ônibus em movimento, mais ou menos por 10 minutos.


Já estes outros dois foram feitos durante a prova do vestibular. Claro, não preciso dizer que eu estava "trabalhando" durante a prova, e não fazendo a mesma...


Acima, sketch ampliado do que foi feito dentro do ônibus e abaixo do que foi feito durante a prova, observando os candidatos naquela tarde quase sem fim...


Esta é uma ideia que indico a qualquer pessoa, não importa se são artistas ou não. Ajuda a organizar os pensamentos e, também, a passar o tempo.